quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Viagens e treinos combinam?

As férias acabaram e as viagens também dão um tempo agora, ok. Porém, sempre tem um feriado, um final de semana, uma escapadinha não programada para podermos aproveitar e dar uma fugidinha.
No momento estou na praia de Macaé, no Rio de Janeiro, passando uma semana aqui. Duas das minhas preocupações antes de vir para cá eram: as faltas da faculdade e os treinos. As faltas não tem muito o que fazer, infelizmente, já os treinos  sempre tem um jeito.
Antes de vir para cá, pesquisei bastante sobre academias na cidade e na região onde estou. Encontrei algumas. Liguei para as academias perguntando se havia a possibilidade de fazer aulas avulsas, no caso diárias, e em todos os lugares eles tinham essa opção. Resolvi não nadar no mar, pois aqui é muito agitado e perigoso e está com uma ressaca do mar fortíssima, com muita correnteza.
Meus treinos são assim: 2a, 4a e 6a corrida e natação; 3a e 5a ciclismo e musculação, sábado ciclismo e corrida e domingo off. 
Vim no domingo para cá, então nem me preocupei com treino. Na 2a feira, apesar de ter ligado para as academias e pego o endereço, fui fazer um "reconhecimento" da área. Andei no calçadão e parei em outras academias que não tinha conhecido através da internet. Em todas, os preços das diárias são de R$ 20,00, a diferença é que algumas deixam você utilizar a academia inteira, participar de todas as aulas e outras você só pode escolher uma atividade.
Não tem nenhuma academia com natação aqui perto, então fui até o centro para poder utilizar a piscina. A minha surpresa, quando cheguei lá, era o tamanho da piscina. No site não mostrava que era tão pequena assim. Acho que ela tem 15 metros, ou menos até. Ok, era o que tinha para o momento. Por ela ser muito pequena e eu estava sozinha no horário, decidi fazer um circuito, ou seja, nadar contornando a piscina, sem parar. 
Na 3a fui em outra academia, uma bem pertinho de onde estou. Chegando lá, pedi para ela me dizer o valor da diária e a secretária falou: "Ah, porque não faz uma aula experimental?" Hmmm muito interessante essa opção. Infelizmente, a aula já estava lotada, não tinha uma vaguinha se quer para mim.  O legal é que tinham algumas bikes de spinning mesmo, soltas no meio da academia. Subi em uma e fiz um treino muito bom, bem puxado. 4a feira fui novamente para a piscina gigantesca de 10 braçadas. Era dia de corrida também, só que não estou liberada ainda para correr, somente para fazer elíptico. Sai da piscina e fui direto para um aparelho. Obviamente, troquei de roupa antes, não fui de maiô, se bem que na hora deu uma vontade enorme de ir assim. Acabei ficando em um aparelho mais antigo, porém eu considero melhor, pois ele é fixo. Os braços não se mexem, somente os pés e o movimento é para trás e para frente, diferente dos aparelhos mais novos que o movimento é trás frente, cima e baixo. Achei que é mais pesado e simula melhor uma corrida. Sei que todos tem seu jeito de correr e suas peculiaridades, mas não costumo ver pessoas que correm balançando os braços como nos aparelhos de elíptico. Parece mais aquela modalidade "Nordic Walking" do que corrida mesmo.
Fiz apenas 20 minutos e mais 10 de corrida na esteira. Para mim que estou lesionada e simplesmente sai da piscina e fui "correr", achei que foi um treino muito bom. Hoje e amanhã seguirei as mesmas coisas que fiz durante a semana, spinning, natação e elíptico. Sábado irei voltar para Curitiba, porém, ficarei na cidade do Rio de Janeiro durante todo o dia passeando. Lá tem umas bicicletas do Itaú, para passeio. Claro que não tem nada a ver com a bike que treino e muito menos com o treino que faço, mas substituirei esse passeio de bike pelo treino de ciclismo e os passeios na cidade e na praia substituirão a corrida.
Outro exemplo de viagem e treino que fiz esse ano, foi quando fui para São Paulo, no finalzinho de março, para curtir um enorme festival de música que durou 3 dias. Fiquei hospedada em um hotel. Novamente, pesquisei tudo antes de viajar. Tinha ate piscina lá, mas sem aquecimento e aberta. Decidi abortar os treinos de natação e ficar somente na bicicleta e esteira mesmo. Nessa viagem, o difícil foi ter a disciplina de treinar, pois saía do hotel as 14h e somente retornava à 01am. Dormia até às 09am, tomava café e por volta das 1030h ia treinar. Foi muito bom, ajudou a dar ânimo para ver todos os shows que eu queria.
Viagem combina e muito com treinos, basta ter vontade e se manter focado.
Bons treinos!!!



2 comentários:

  1. Júliah, acho o máximo conciliar os treinos com lazer quando viajamos. E pela sua programação assim, deu tudo muito certo. Aproveito o que o Rio tem de melhor.
    beijo e bons treinos!!!
    Helena
    Blog Correndo de bem com a vida
    @Correndodebem

    ResponderExcluir
  2. Ok, ok...já vi que vc treinou, ou ao menos se esforçou para treinar! Mas segunda feira, chega de férias, né? Volta aos treinos com forca total!!!

    ResponderExcluir